DestaqueNotícias

DEPRESSÃO: Sargento que atirou para o alto em quartel enfrenta problemas pessoais

Logo após o sargento ter efetuado os tiros, em uma área isolada da unidade, ele foi detido sob custódia.

O comandante Geral da Polícia Militar de Rondônia, coronel Ronaldo Flores, informou que o policial militar envolvido na situação de disparos dentro do QG da corporação vem enfrentando problemas pessoais.

 Logo após o sargento ter efetuado os tiros, em uma área isolada da unidade, ele foi detido sob custódia.

De acordo com o coronel Ronaldo, uma equipe de psicólogos já está acompanhando o caso. O sargento, que não teve o nome divulgado, terá que responder administrativamente e judicialmente pelos disparos dentro do Comando Geral.

Fonte
Rondoniaovivo
Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios