DestaqueNotíciasPolícia

Suspeito de matar trabalhador da Energisa entra na lista de foragidos da polícia, em RO

Mandado de prisão temporária foi expedido no domingo (2) após pedido do Ministério Público. Defesa do suspeito não foi localizada.

A Polícia Civil já considera foragido o padeiro Evandilson Veloso de Oliveira, de 40 anos. Ele é suspeito de matar o eletricista Gerson Francisco Nunes, na última sexta-feira (31), enquanto ele trabalhava, em Porto Velho. A prisão temporária dele foi decretada no domingo (2), durante o plantão judicial.

G1 apurou que o advogado de Evandilson negociou a apresentação dele na delegacia de homicídios na manhã desta segunda-feira (3). Como isso não ocorreu, ele é tido como foragido e a polícia pede. A defesa do suspeito não foi localizada.

Quem tiver informações do paradeiro de Evandilson pode ligar, anonimamente, para a Polícia Civil (197) e Polícia Militar (190).

No último sábado (1°), Evandilson chegou a se apresentar na Delegacia de Homicídios da capital e começou a ser ouvido, mas foi liberado por não estar em estado de flagrante.

Suspeito de matar funcionário da Energisa em Porto Velho chegando na delegacia.  — Foto: Jheniffer Núbia/G1

Suspeito de matar funcionário da Energisa em Porto Velho chegando na delegacia. — Foto: Jheniffer Núbia/G1

Ainda no sábado, o Ministério Público Estadual (MP-RO) requereu à Justiça a prisão temporária do padeiro e a busca e apreensão da arma usada no crime.

A promotoria argumentou que o caso gerou “temor e insegurança” na população, que existem indícios suficientes de que o padeiro cometeu o crime e que caso ele fuja, as investigações serão prejudicadas.

Crime

Trabalhador da Energisa é morto em Porto Velho — Foto: Diêgo Holanda/G1

Trabalhador da Energisa é morto em Porto Velho — Foto: Diêgo Holanda/G1

Gerson Francisco Nunes, de 40 anos, prestava serviço terceirizado para a Energisa, na Rua Eurico Caruso, bairro Aponiã, quando foi atingido por três tiros. O eletricista fazia a religação da energia da residência no momento do crime.

De acordo com a polícia, câmeras de segurança da rua mostram uma picape branca chegando na rua e o suspeito descendo do carro e atirando contra a vítima. O trabalhador morreu ainda no local.

Fonte
G1
Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios