DestaqueNotícias

Rondônia vence etapa nacional da 10ª edição do Prêmio Sebrae

Prefeito do município de Monte Negro, no vale do Jamari, comemora melhor gestão do estado reconhecida nacionalmente

BRASÍLIA DF – O evento aconteceu na noite dessa quarta-feira (5em Brasília e reuniu prefeitos de todo o país que foram selecionados na etapa estadual.  O Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor – etapa nacional, reconheceu gestores municipais que criaram condições favoráveis às micro e pequenas empresas (MPE) e aos microempreendedores individuais (MEI), favorecendo assim o desenvolvimento econômico das cidades. A edição deste ano foi uma homenagem ao ex-presidente Juscelino Kubitschek, que foi também prefeito de Belo Horizonte, entre 1941 e 1945. Os agraciados receberam uma placa representando a capital do Brasil.

Os finalistas, das cinco regiões do país, disputaram em oito categorias: Políticas Públicas para Desenvolvimento de Pequenos Negócios, Cooperação Intermunicipal para Desenvolvimento EconômicoCompras Governamentais de Pequenos NegóciosPequenos Negócios no CampoInovação e SustentabilidadeEmpreendedorismo na EscolaDesburocratização e Implementação da RedeSimples, além de Inclusão Produtiva e Apoio ao MEI. Na edição deste ano, foram inscritos 1.160 projetos de 23 estados.

Este ano Rondônia teve um dos vencedores na etapa nacional com o projeto na categoria Compras Governamentais de Pequenos Negócios, foi o prefeito Evandro Marques de Monte Negro. Em edições anteriores, o gestor municipal do estado a ganhar esse prêmio foi então prefeito de Ariquemes, Confúcio Moura, em 2010.

Na tarde dessa quinta-feira (6), o prefeito Evandro Marques foi recepcionado no aeroporto de Porto Velho pelo superintendente do Sebrae, Daniel Pereira. “Quatro municípios de Rondônia se credenciaram para representar o estado a nível nacional: Chupinguaia por meio do projeto da prefeita Sheila; Cacoal  da prefeita Glaucione; Jaru do prefeito Joãozinho; e Monte Negro do prefeito Evandro que conseguiu por meio de um projeto inovador ser o premiado como o melhor da categoria a nível nacional. Estamos muito felizes, e esse projeto vai impactar muito o estado. O que o Evandro fez é o que os mais de cinco mil municípios do Brasil têm que fazer, que é fomentar os negócios locais.”, afirmou Daniel.

“O que mais se destacou na minha opinião foi conseguir que a sociedade entendesse a necessidade de se trabalhar em conjunto, em parceria, e o Sebrae ajudou muito nisso, a começar pelas consultorias, mostrando os caminhos a seguir, pois participaram ativamente com o objetivo de como fazer gestão de forma diferente e empreender ao mesmo tempo. Foi assim que conseguimos chegar ao prêmio vencedor com o projeto ‘Desenvolva’. Por intermédio do Sebrae levamos aos nossos microempreendedores consultorias e principalmente aos produtores rurais que ganharam ainda mais força na economia da região. Estou feliz e sei que posso contar com o Sebrae para que os projetos sejam ainda mais audaciosos e com maiores resultados.”, afirmou Evandro Marques, prefeito vencedor da etapa nacional do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor.

Para mais informações sobre a atuação do Sebrae, acesse o site <www.sebrae.ro> ou ligue gratuitamente para 0800 570 0800. Você também pode nos acessar pelo número de WhatsApp (69) 98130 5656 ou pelas plataformasInstagramFacebookTwitterLinkedIn e YouTube, no perfil Sebrae RO.

LISTA DOS VENCEDORES:

– Luís Fernando Moura da Silva – São José de Ribamar (MA) – Premiado na categoria Compras Governamentais de Pequenos Negócios com o projeto “Mercado Local Urbano, vantagem real”.
– Fátima Cristina Caxinhas Daudt – Novo Hamburgo (RS) – Premiada na categoria Cooperação Intermunicipal para Desenvolvimento Econômico, com o projeto “Estratégia Intermunicipal em prol do Vale dos Sinos”.
– Roberto Cláudio Rodrigues Bezerra – Fortaleza (CE) – recebeu o prêmio na categoria Desburocratização e Implementação da Redesimples pelo projeto “Fortaleza Online”.
– Mário Henrique de Lima Biscaro – Marituba (PA) – Foi premiado na categoria Empreendedorismo na Escola, com a apresentação do projeto “Escola Empreendedora”.
– Elderson Ferreira da Silva – Volta Redonda (RJ) – Foi premiado na categoria Inclusão Produtiva e Apoio ao MEI pela apresentação do projeto “Volta Redonda Além do Aço”.
– Alberico de Franca Ferreira Filho – Barreirinhas (MA) – Concorreu e ganhou na categoria Inovação e Sustentabilidade, pelo projeto “Voucher Digital Barreirinhas: Gestão e Sustentabilidade Turística”.
– Hiroshi Kubo – Carlópolis (PR) – Foi premiado na categoria Pequenos Negócios no Campo, ao apresentar o projeto “Carlópolis Cooperativo”.
– João Carlos Krug – Chapadão do Sul (MS) – Concorreu na categoria Políticas Públicas para Desenvolvimento dos Pequenos Negócios – Região Centro-Oeste e apresentou o projeto “Chapadão do Sul – Polo do Desenvolvimento e Inovação”.
– João Bosco Nonato Fernandes – Uiraúna (PB) – Foi premiado na categoria Políticas Públicas para Desenvolvimento dos Pequenos Negócios – Região Nordeste com o projeto “Uiraúna- Cidade de fazer negócios”.
– Evandro Marques da Silva – Monte Negro (RO) – Concorreu na categoria Políticas Públicas para Desenvolvimento dos Pequenos Negócios – Região Norte, com o projeto Desenvolva.
– Fabrício Petri – Anchieta (ES) – Foi premiado na categoria Políticas Públicas para Desenvolvimento dos Pequenos Negócios – Região Sudeste, com o projeto “Anchieta Criativa e Empreendedora”.
– Marcelo Rangel Cruz de Oliveira – Ponta Grossa (PR) – Vai receber o prêmio na categoria Políticas Públicas para Desenvolvimento dos Pequenos Negócios – Região Sul, por desenvolver o projeto “Primeira Sala Digital do Brasil”.
Municípios partícipes do projeto de Novo Hamburgo – Categoria Cooperação Intermunicipal Para o Desenvolvimento Econômico
– Luciano Libório Baptista Orsi – Campo Bom (RS) – Premiado na categoria Cooperação Intermunicipal para o Desenvolvimento Econômico, com o projeto “Estratégia Intermunicipal em prol do Vale dos Sinos”.
– Corinha Molling – Sapiranga (RS) – Premiado na categoria Cooperação Intermunicipal para o Desenvolvimento Econômico, com o projeto “Estratégia Intermunicipal em prol do Vale dos Sinos”.