DestaqueInteriorPolícia

Beneficiários do Bolsa Família são alertados sobre golpes por aplicativo em Cacoal, RO

As pessoas têm recebido mensagens no celular sobre a possibilidade de conseguirem empréstimos. Mais de 2.7 mil famílias recebem o beneficio na cidade.

A Secretaria Municipal de Ação Social e Trabalho (Semast) de Cacoal (RO), município a 480 quilômetros de Porto Velho, está alertando os beneficiários do Programa Federal Bolsa Família sobre golpes que vem sendo feitos por meio de aplicativos de celular. Na cidade, mais de 2,7 mil famílias recebem o beneficio.

De acordo com a coordenadora dos programas sociais de Cacoal, Alessandra Gomes, os beneficiários têm recebido mensagens no celular sobre a possibilidade de conseguirem empréstimos usando a renda do Bolsa Família. Porém, Alessandra afirma que isso é um golpe.

“As pessoas estão recebendo via WhatsApp uma mensagem informando que quem é beneficiário do Bolsa Família tem direito a fazer empréstimo. Essa informação não é verídica e é perigosa, pois quando se abre a mensagem, é solicitado que a pessoa insira os dados pessoais. Alertamos a população que não faça isso, pois é um golpe e não sabemos quem está por trás disso”, alertou.

A Secretaria de Ação Social esclarece ainda que o Governo Federal não solicita nenhuma atualização cadastral por meio de mensagens de celular. A comunicação é feita por meio de extratos bancários ou cartas.

“A gente não pede nenhuma solicitação via celular. O governo utiliza dois métodos que é o extrato bancário ou cartas”, complementou a coordenadora.

Quem tiver alguma dúvida pode procurar a Semast de segunda a quinta-feira das 7h30 as 17h. Na sexta o horário é reduzido até as 13h30. A Semast funciona no Centro de Formação Fiovo Camaione, localizado na Rua Silvio Aparecido Pereira, 877, no bairro Teixeirão.