DestaqueInteriorNotíciasSaúde

LENTIDÃO: Prefeituras de RO estão com mais de 120 mil doses de vacinas armazenadas

Até o momento Rondônia recebeu 265.008 doses.

O estado de Rondônia segue a passos lentos em seu ritmo de vacinação contra a COVID-19. Até o momento apenas 6,16% da população rondoniense foi vacinada, levando à permanência dos altos registros diários de infecções e mortes.

 

O avanço que Rondônia deu nas últimas semanas, onde saiu do segundo estado que menos vacinou no Brasil para o quinto que menos aplicou a vacina pode ser associada aos encontros que o governador Marcos Rocha teve com o presidente Jair Bolsonaro na última semana, que passou enviar maiores remessas de doses ao Estado.

 

Remessas semanais de vacinas estão sendo enviadas para Rondônia. Nesta quinta-feira (8) chegarão mais 27.950 doses de vacina CoronaVac e AstraZeneca. Quantidade pequena calculada à divisão entre os mais de cinquentas municípios rondoniense.

 

Vacinas guardadas

Até o momento Rondônia recebeu 265.008 doses, imunizando 144.849 pessoas. As prefeituras mantém armazenadas 120.159 doses.

 

De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde – SESAU, a distribuição das vacinas aos municípios é de competência do Governo, porém a aplicação vai sob responsabilidade dos prefeitos.

 

As mais de 120 mil doses armazenadas nas prefeituras do Estado contrariam uma resolução do Ministério da Saúde que recomenda aos gestores não guardarem vacinas, já que as doses continuarão sendo enviadas.

 

Vacina para empresários

Em Brasília, o Congresso aprovou o texto base do projeto que visa permitir a compra de vacina contra a COVID-19 por empresário para imunizar seus funcionários. A pauta é extremamente criticada por quem defende a distribuição da vacina apenas pelo Governo Federal.

 

Da bancada rondoniense na Câmara Federal, apenas Mauro Nazif e Expedito Netto votaram contra o projeto. Netto chegou a afirmar que essa proposta validaria a injustiça, levando a imunização para os ricos e poderosos, enquanto grande parte da população comum sofre com os efeitos da pandemia.

 

As vacinas chegam a Porto Velho e são distribuídas para todo o Estado através de escolta armada de agentes policiais.

 

Fonte
ondoniaovivo - João Paulo Prudêncio
Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios