Esportes

Pelé recebe alta e deixa hospital de Paris depois de cinco dias

Rei do Futebol se recupera do quadro de infecção urinária e nas próximas horas vai pegar um voo de volta ao Brasil: "A França não tem somente grandes jogadores, mas também ótimos médicos"

Depois de cinco dias realizando exames e sob observação médica por conta de um quadro de infecção urinária, Pelé recebeu alta nesta segunda-feira e deixou o hospital em que estava em Paris, na França. De acordo com sua assessoria, ele vai pegar um voo de volta ao Brasil nas próximas horas.

– Eu quero agradecer profundamente a vocês pelos seus pensamentos positivos e desejos de melhoras – disse o Rei do Futebol em um comunicado

Pelé foi levado para um hospital na última quarta por conta de uma suspeita de infecção urinária, de acordo com sua assessoria de imprensa. Resfriado, ele chegou a ser medicado no hotel, mas acordou com febre e foi levado para uma avaliação médica.

No primeiro dia, a expectativa era de que ele fosse liberado após algumas horas, mas, por precaução, foi mantido no local para mais exames. Desde então, encontrava-se em observação – e estava sem febre desde a última quinta.

O Rei do Futebol foi a Paris para participar de um evento comercial ao lado de Mbappé, craque da seleção francesa e do PSG. O jovem passou a ser patrocinado por uma marca de relógios que tem uma parceria de longa data com Pelé. Os dois conversaram e posaram para fotos, depois de uma aproximação virtual através das redes sociais desde o ano passado.

Leia a íntegra do comunicado de Pelé:

“Eu quero agradecer profundamente a vocês pelos pensamentos positivos e desejos de melhoras.

Enquanto eu estava aqui em Paris, eu sofri uma severa infecção urinária que requisitou assistência médica e cirúrgica emergencialmente. Mas, graças ao grande carinho do time de médicos do American Hospital of Paris, eu estou pronto para viajar para casa. Eu quero expressar o meu caloroso agradecimento a equipe do Dr. Gérard Khayat, Dr. Thierry Guetta e Dr. Gilles Boccara. A França não tem somente grandes jogadores, mas também ótimos médicos.

Antes de eu ir para casa pronto para trabalhar de novo, eu também quero agradecer a Hublot. Vocês são mais que meus parceiros, são parte da família. Paris, nós voltaremos em breve.”

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios