DestaquePolícia

Apenados tentam fazer rebelião em presídio de Rondônia

Direção do presídio emitiu nota de esclarecimento à imprensa dizendo que todos estão fora de perigo.

RONDÔNIA – Em duas celas na cadeia pública no município de Cerejeiras, na noite de segunda-feira (25), houve um tumulto de presos que tentaram fazer uma rebelião. No entanto, o motim foi controlado por agentes penitenciários da unidade, que tiveram de efetuar tiros de advertência.

O incidente ocorreu por volta das 20 horas e conforme a nota da diretoria da cadeia pública de Cerejeiras, três detentos acabaram machucados e um agente penitenciário sofreu ferimento leve em uma das mãos.

A cadeia pública de Cerejeiras conta com cerca de 120 presos. Recentemente, uma unidade de ressocialização de menores foi acoplada ao prédio do presídio. Apesar das dificuldades já conhecidas das cadeias públicas do país, o minipresídio de Cerejeiras tem uma boa estrutura física e está sendo submetido a constantes melhorias.

Veja, abaixo, a nota da instituição prisional cerejeirense sobre o princípio de rebelião:

NOTA DE ESCLARECIMENTO

A Diretoria do Sistema Prisional de Cerejeiras, vem a público esclarecer que na noite desta segunda-feira, por volta das 20:00h, houve um tumulto em 2 celas e princípio de Rebelião nesta unidade.

Foram necessários disparos de advertência para o controle da situação, na oportunidade informamos que 3 detentos foram atingidos e estão no hospital São Lucas (fora de perigo) recebendo cuidados médicos e apenas 1 Agente Penitenciário teve ferimentos superficiais na mão.

Cordialmente;
Eguinaldo Lannes – Chefe Geral de Segurança do DPC